Posso usar no-break como Inversor para meu Sistema de Energia Solar?


No-break como Inversor? Provavelmente você que está envolvido com Energia Solar Fotovoltaica, sobretudo na modalidade Off-Grid (Não Conectada a Rede Elétrica) já deve ter feito esta pergunta a si mesmo, para algum amigo, ou até mesmo em algum fórum, em vídeos no youtube.

Eu mesmo no meu início já fiz esta pergunta, e inclusive utilizei um no-break deste modo a um tempo antes de adquirir um inversor.

Esta é uma pergunta recorrente, apesar de muitos não imaginar isto, ou ter esta curiosidade, mas sempre tem um ou outro seja por e-mail, em comentários no YouTube ou no Grupo do Facebook.

E para ajudar você e a estas pessoas, estou escrevendo este artigo e também gravei um vídeo para o meu Canal no YouTube, que você poderá ver logo abaixo.

Vamos a alguns tópicos sobre o assunto baseado em algumas perguntas que recebi.

O funcionamento básico de um No-Break

Um no-break é um inversor, pois ele pega a tensão contínua de uma bateria, normalmente 12 Volts e a converte em tensão alternada que é a mesma que temos na rede elétrica da nossa casa, que poderá ser 110 volts AC ou 220 volts AC.

No-break como Inversor

Topologia e diagrama de blocos de um No-Break

Veja na imagem ao lado a topologia e diagrama de blocos do funcionamento de um no-break.

A diferença mais significativa de um no-break para um inversor dedicado para uso com energia solar, é que o no-break tem um circuito de carregador de baterias, e quando temos tensão na rede elétrica este circuito é ativado, e o inversor passa a trabalhar como um carregador de baterias, e neste momento a tensão da rede elétrica que entra pelo cabo do no-break vai para o transformador dele, e reduz a tensão de entrada para a tensão necessária para ser retificada e depois enviada para as baterias.

E neste ponto, também é desviado a tensão de entrada diretamente para as tomadas de saída do no-break através de relés que são chaveados automaticamente quando o sistema no micro controlador do no-break identifica a presença da tensão em sua entrada.

Ele só irá funcionar como um inversor se faltar energia, ou você retirar da tomada da rede elétrica o cabo de alimentação dele, ai neste momento ele estará atuando exatamente como um inversor de tensão, e na maioria das vezes com Onda Senoidal Modificada.

Agora que entendemos um pouco do funcionamento básico de um no-break, vamos abaixo aos pontos que deverá saber para que então possa utilizar-lo como um inversor.

Monte você mesmo seu Inversor de Onda Senoidal Pura

Pontos que são importante você saber

  • O buzzer (Bip que o No-Break emite)

A maioria dos no-breaks possuem um dispositivo que emite um bip na ausência de energia na rede elétrica, justamente para avisar o usuário que tem algo errado, que faltou energia e assim por diante.

Para mim este é um problema, apesar de não afetar diretamente o uso, é chato e incomoda bastante

  • O fato dele também ser um carregador de bateria

Este é um problema bastante sério, pois em sistema solar off-grid, temos a energia sendo gerada através dos painéis solares, esta energia vem para o controlador de carga, o controlador envia para as baterias, e das baterias enviamos para a entrada do inversor.

Portanto para utilizar um no-break como inversor para seu sistema de energia solar off-grid, nunca poderá liga-lo à rede elétrica, pois como ele é um carregador, ele enviará tensão e corrente para as baterias, logo como as baterias estão ligadas ao controlador de carga, esta tensão e corrente que será enviada do carregador do no-break para as baterias chegarão também a saída do controlador, e isto o danificará permanentemente.

Uma alternativa que temos, é de automatizar este processo, o que estarei mostrando em uma série de vídeos e em um artigo em breve.

Automatizando este processo, quando tivermos energia nas baterias o inversor do no-break estaria funcionando, e neste caso acionaríamos um relé ou contatora para que cortasse a alimentação da rede elétrica, e ao mesmo tempo liberar o cabeamento das baterias para o no-break.

Já quando as baterias estivessem com nível de carga baixo, cortaria a alimentação do relé ou contatora, e assim cortaria a conexão das baterias com o no-break e ao mesmo tempo acionaria a alimentação pela rede elétrica.

Esta seria uma topologia de automação básica, que estarei abordando em breve.

  • Tempo de Uso

    O tempo de uso é outro fator importante neste caso, pois a maioria dos no-breaks de baixo ou médio custo, foram projetados para simplesmente funcionarem por curtos períodos de tempo, sobretudo sua etapa de potência que é composta por transistores mosfets, o que neste caso para uso como um inversor, teríamos problemas, pois nesta forma de uso temos a necessidade de utilizar o inversor por horas a fio, o que faria com que o no-break esquentasse bastante, e consequentemente reduziria drasticamente sua eficiência, e também a sua vida útil.

    O fato de podermos utilizar o transformador de um no-break em um inversor como é o caso dos projetos que faço, não quer dizer que o uso do no-break em si é ideal, pode ser utilizado mas com alguns cuidados como estão sendo citados aqui.

  • Consumo em Excesso

    Para mim este é o ponto mais complicado de se utilizar um no-break como inversor, pois a maioria dos no-breaks, sobretudo os mais básicos, consomem muito das baterias em regime aberto, ou seja, sem nenhuma carga na sua saída.

    Muitos chegam a consumir cerca de 3Ah a 4Ah em aberto, o que considero muito mesmo, pois para uma bateria que pode fornecer cerca de 115Ah isto seria quase metade de sua capacidade perdida.

Considerações finais

Logo podemos afirmar que sim, você poderá utilizar um no-break como inversor para seu sistema de energia solar off-grid, porém deverá levar em consideração os pontos abordados neste artigo e as dicas que falo no vídeo também, pois assim conseguirá fazer um bom uso do no-break nesta função.

Por estes motivos acima, e também pelo alto custo de inversores, que decidi projetar meus próprios inversores para energia solar, e deu tão certo, que agora coloco a sua disposição o material do projeto, que poderá ver neste link aqui: https://www.eduardoaquino.com.br/loja-virtual/.

Espero que este artigo junto com o vídeo acima possam ter lhe ajudado a tomar uma decisão, e entender ao menos o básico sobre um no-break sendo utilizado como inversor em sistemas de energia solar.

Deixe seu comentário ou dúvida abaixo, será um prazer lhe ajudar a tirar mais dúvidas caso tenha, e provavelmente as dúvidas que surgirem para você poderá ser a dúvida de outros.

Atenciosamente,
Eduardo Aquino

Deixe um comentário